Produtividade na construção: processos que otimizam o trabalho da sua equipe

Alta produtividade na construção aliada a custos mínimos são o sonho de todo gestor. Clientes cada vez mais exigentes com a qualidade e com prazos também faz com que a produtividade seja uma necessidade real e cada vez mais presente nas empresas. Para a  indústria da construção, manter a produtividade é indispensável para combater as dificuldades que o setor  pode vir a se deparar.

No caminho para um desempenho acima da média, os líderes têm atuação fundamental. É deles que devem partir as diretrizes e orientações para que a equipe desenvolva todo seu potencial e atinja a produtividade máxima. Quer saber como impactar positivamente o desempenho dos seus colaboradores e garantir o uso inteligente de recursos? Leia as nossas dicas e guie sua empresa para o sucesso!

Má gestão: a inimiga nº 1 da produtividade na construção

Uma gestão desorganizada pode ser a principal fonte de falta de produtividade na indústria da construção. Então, se você quiser assegurar aproveitamento máximo de recursos e evitar desperdícios, vai precisar de um bom planejamento.

Planejar, nesta fase, é muito mais do que criar um cronograma de atividades. A troca de informações entre gestores, mestres de obras e operários também se faz fundamental para um desempenho produtivo, evitando atrasos e garantindo agilidade na solução de eventuais problemas.

Vantagens de ter um apontador bem treinado

Dentre vários aspectos que fazem o apontamento ser uma ferramenta essencial dentro da obra, encontramos a análise de produtividade. Na verdade, um apontador bem treinado consegue medir mão de obra, equipamentos e o que cada um produziu ao final do dia.

Essas são informações valiosas quando se diz respeito à produtividade, afinal, a falta de indicadores ou imprecisão de dados faz com que não se saiba onde se está perdendo produtividade. O que pode acarretar custos inesperados, entre outras surpresas durante a sua obra.

Por exemplo, você não ter o número de colaboradores necessários para exercer todas as atividades previstas, tão pouco os equipamentos necessários. Assim como também o contrário disso, equipamentos parados e colaboradores a mais, mas não ter essa visão. Tudo isso implica em custos ou desperdício de produtividade.

Faça um controle de custos efetivo

Trabalhe em conjunto com mestres e encarregados para garantir que nenhum custo desnecessário ocorra. Tenha controle em tempo real de seus histogramas de mão de obra e de equipamentos e acompanhe frequentemente todos os serviços contratados. Conscientize sua equipe para o uso racional de materiais e recursos e para a importância de executar os serviços de acordo com o procedimento exigido.

Utilize a tecnologia a seu favor

A tecnologia faz parte do dia a dia corporativo e se tornou uma ferramenta essencial na busca pelo aumento da produtividade. Dispositivos móveis e softwares de gestão de obras estão cada vez mais presentes em empresas que prezam pela produtividade máxima. O acesso rápido e fácil aos dados proporcionado por este tipo de software oferece uma visão ampla das obras e facilita a tomada de decisões.

Os dispositivos móveis garantem flexibilidade e facilitam o trabalho de coleta, processamento, armazenagem e análise de dados. Eles também melhoram a comunicação com o cliente já que propiciam um atendimento personalizado a ele. Além do mais, a melhora no fluxo de informações proporcionada pela tecnologia potencializa a integração entre as diversas equipes da empresa.

Estes foram alguns processos que otimizam o seu trabalho, garantindo um bom desempenho e produtividade na construção. Gostou das dicas e quer expandir seus conhecimentos no assunto? Aprenda também como ter um controle eficaz dos custos com a produtividade da obra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *