A importância dos indicadores de desempenho nas obras

Ter bons indicadores de desempenho de obras é essencial para medir os resultados e o sucesso de um projeto. Mensurar os dados obtidos para estabelecer abordagens apropriadas de trabalho é uma tarefa que deverá ocorrer durante toda a construção do empreendimento. 

Dessa forma, os índices de desempenho no decorrer da obra e após sua entrega devem ser o mais precisos possível. Quanto mais fidedignas e confiáveis forem as informações, menores serão os riscos de equívocos que resultam em ônus para a empresa e seus projetos.

Os indicadores de desempenho como ferramenta de gestão servem, entre outros: 

  • Ao propósito de definição de metas; 
  • Para organização do fluxo de trabalho; 
  • Auxiliam no cumprimento de prazos. 

Eles também facilitam a definição de novas abordagens quando os objetivos não puderem ser alcançados.

No ramo da construção civil, indicadores de desempenho na gestão dos projetos são cruciais para o sucesso do empreendimento. Quer saber mais sobre a importância de sua utilização? Confira nosso post!

Para que servem os indicadores de desempenho de obras?

No canteiro de obras, o fluxo de trabalho é intenso e várias etapas são desenvolvidas. Por isso, é preciso ter um planejamento organizacional com base em informações estatísticas acerca dos processos, métodos de trabalho, ferramentas e materiais.

Assim, é possível evitar todo o tipo de desperdício — de tempo, de trabalho e de recursos. Os indicadores de desempenho, principalmente de qualidade e de produtividade na construção civil, podem lançar uma organização aos mais altos níveis de liderança no mercado.

Apenas uma pequena parcela das companhias deste ramo tem apostado em um trabalho com base em indicadores eficientes de desempenho. Os processos de medição podem ser perfeitamente implantados no contexto dos canteiros de obras. Mas, isso desde que se tenha estabelecido todas as etapas do processo.

São elas: a coleta e o processamento de dados, a avaliação da informação coletada, a gestão desses arquivos ou a tomada de decisão em relação aos resultados obtidos, e, finalmente, a intervenção no processo com base na estratégia adotada.

Benefícios da implantação de indicadores de desempenho de obras

Com indicadores de desempenho, é possível fazer um planejamento de obras com base no estabelecimento de metas e determinação de estratégias para a gestão. Dessa forma, é possível detalhar os fluxos de trabalho, os recursos de produção e o dimensionamento da mão de obra a médio e longo prazo.

Além de benefícios como maior agilidade e redução de erros, há mais efetividade na comunicação entre os colaboradores e a empresa. Isso torna mais objetivas e acessíveis as informações referentes aos projetos e parcerias. 

Dessa forma, é possível adequar o projeto, caso haja áreas que precisem de mais investimento ou supervisão em determinado momento. Além de tudo isso, estabelecer indicadores de desempenho de obras já não é uma tarefa árdua — principalmente quando se tem ajuda da tecnologia para essa tarefa. 

Para colher os registros que serão o subsídio para os indicadores de desempenho, o gestor pode contar com diversas ferramentas. Existem, hoje, softwares de construção que permitem utilizar indicadores pré-configurados e de forma automatizada.

4 principais indicadores de desempenho de obras

1 – Indicadores de qualidade

Para averiguar se os padrões de qualidade estabelecidos em um projeto foram atingidos ao fim da obra é preciso ter indicadores de qualidade. Eles vão medir, por exemplo, a satisfação dos clientes, a conformidade com os projetos, a estética, a funcionalidade e a durabilidade dos elementos construídos. 

Os indicadores de qualidade podem ser aplicados, inclusive, na etapa do recebimento dos materiais ou ainda durante a própria execução. No primeiro caso, eles podem mensurar se os insumos entregues estão em conformidade com o que foi comprado.

No segundo caso, podem servir para conferir se aquilo que foi executado está em conformidade com o projeto. Com isso, é possível identificar os erros rapidamente, agilizando a tomada de decisões e a etapa de correção.

Outra utilização é para conferir se tudo foi executado em conformidade com as normas. Os dados registrados a partir dos indicadores podem ser utilizados para avaliar a qualidade da sua mão de obra e dos insumos.

2 – Indicadores de rentabilidade

Outro tipo de indicadores de desempenho de obras são os de rentabilidade. Alguns exemplos são o retorno sobre o investimento (ROI) e o fluxo de caixa. O primeiro faz relação entre o lucro líquido e o custo da construção, permitindo avaliar a eficiência do empreendimento.

Já o fluxo de caixa avalia toda a receita que entra e sai do orçamento da organização. Ou seja,  é possível avaliar a necessidade de aumentar as receitas ou diminuir os gastos. Com os indicadores de rentabilidade, a empresa consegue avaliar quais empreendimentos são mais lucrativos.

3 – Indicadores de prazo

Manter o cronograma em dia é um dos maiores desafios para os gestores de obra. Ou seja, é necessário contar com indicadores de prazos. Com eles é possível avaliar quanto os atrasos custaram e quais impactos isso teve na entrega do empreendimento.

Os indicadores de prazo também permitem avaliar, indiretamente, a produtividade dos serviços. Assim, é possível encontrar etapas que apresentam problemas e merecem mais atenção para diminuir os atrasos.

4 – Indicadores de desperdício

Os indicadores de desperdício permitem, avaliando a quantidade de resíduos, entender quanto dos insumos comprados estão sendo jogados fora. Com isso, é possível saber quais etapas apresentam maior desperdício, qual o custo disso e qual impacto ambiental.

Contar com esse processo é também uma maneira de conscientizar os trabalhadores, mostrando o quanto os retrabalhos e erros geram resíduos, custos e prejuízos ao meio ambiente.

Os indicadores de desempenho de obras são cruciais para garantir que um empreendimento seja entregue com qualidade, gerando o maior lucro e satisfação do cliente. Por isso, os profissionais devem dar a devida atenção a eles, entendendo sua importância e aplicando nas diferentes etapas construtivas. 

E então, ainda tem alguma dúvida sobre o uso de indicadores na construção civil? Deixe nos comentários!

A importância dos indicadores de desempenho nas obras

A importância dos indicadores de desempenho nas obras

Ter bons indicadores de desempenho de obras é essencial para medir os resultados e o sucesso de um projeto. Mensurar os dados obtidos para estabelecer abordagens apropriadas de trabalho é uma tarefa que deverá ocorrer durante toda a construção do empreendimento.  Dessa forma, os índices de desempenho no decorrer da obra e após sua entrega devem ser o mais precisos possível. Quanto mais fidedignas e confiáveis forem as informações, menores serão os riscos de equívocos que resultam em ônus para a empresa e seus projetos. Continue lendo

ImobCon otimiza o gerenciamento da obra com tecnologia

ImobCon otimiza o gerenciamento da obra com tecnologia

Com o intuito de otimizar os processos construtivos e melhorar o controle de registros, a Imobcon aderiu ao uso da tecnologia no canteiro de obras. A construtora paranaense, que atua desde 2016, utiliza em seus processos a alvenaria estrutural, técnica que reduz o desperdício de resíduos e na qual o Brasil é referência. Para digitalizar seus processos e obter maior controle estratégico do canteiro de obras, a empresa implantou o software Mobuss Construção. Prossiga a leitura e descubra como a Imobcon conseguiu trazer mais controle Continue lendo

O que espera o gestor de obras do futuro?

O que espera o gestor de obras do futuro?

A saturação de profissionais no mercado da construção civil tem feito com que os especialistas exijam mais de si mesmos. É tudo uma questão do que você almeja, seus objetivos e ambições. Mas, de qualquer forma, o gestor de obras deve saber como se destacar. Um estudo da USP mostrou que o número de engenheiros formados superou em 2,5 vezes a demanda prevista para o ano de 2020. De lá pra cá a situação não mudou e o crescimento no número de profissionais é expressivo.  Continue lendo

5 motivos para adotar a mobilidade corporativa na sua empresa

5 motivos para adotar a mobilidade corporativa na sua empresa

A aderência à tecnologia vêm crescendo há um bom tempo e, neste cenário, os profissionais de diferentes segmentos encontraram facilidades com a aplicação de mobilidade corporativa nas suas rotinas.  Na construção civil, essa metodologia permite maior controle e desempenho na execução das atividades. Continue lendo o artigo e conheça alguns benefícios que a mobilidade pode trazer para o seu canteiro de obras! O que é mobilidade corporativa?  O termo mobilidade corporativa pode ser definido como uma realidade apoiada em tecnologia, onde, por meio de aparelhos Continue lendo

Saiba quais são os negócios mais lucrativos na construção civil

Saiba quais são os negócios mais lucrativos na construção civil

Está sem tempo para ler? Aperte o play abaixo e ouça o artigo sobre negócios lucrativos na construção civil em áudio! Ficar por dentro dos negócios lucrativos na construção civil é a melhor maneira de garantir sucesso no lançamento de novos empreendimentos. Além de se manterem atualizados, os profissionais e organizações precisam saber como se adaptar às novidades que surgem diariamente. O setor da construção passou e continua passando por muitas transformações, principalmente com o aprimoramento de novas tecnologias. As inovações, que surgem constantemente, são Continue lendo

Vantagens da aplicação de Softwares Móveis no Canteiro de Obras

Vantagens da aplicação de Softwares Móveis no Canteiro de Obras

A mobilidade é uma evolução tecnológica que está sendo utilizada em muitas empresas que visam lucratividade e otimização do tempo. Na construção civil, a utilização de softwares móveis pode trazer várias facilidades para os canteiros de obras.  Isso porque sistemas de mobilidade podem ser acessados 24 horas por dia, de qualquer lugar, através de tablets e smartphones. Ajudando a tornar o fluxo de trabalho mais integrado e a obter maior controle sobre os custos das obras. Dessa forma, as construtoras não precisam trabalhar com grande Continue lendo

Confira as principais normas alteradas na construção civil

Confira as principais normas alteradas na construção civil

Passou-se o tempo em que uma edificação era construída sem padronização nem regras. Hoje, para garantir resultados melhores, mais segurança e conformidade, os profissionais precisam conhecer e seguir normas da construção civil. Ao longo dos anos, as leis técnicas da construção civil passam, naturalmente, por atualizações e modificações. Isso acontece porque o mercado está em constante mudança, assim como também as exigências e desejos dos clientes.  Por isso, para garantir que as construções consigam atender padrões cada vez mais altos, as diretrizes precisam ser atualizadas. Continue lendo

Como garantir uma comunicação unificada entre todos os integrantes do processo construtivo?

Como garantir uma comunicação unificada entre todos os integrantes do processo construtivo?

Em todas as áreas do mercado, a comunicação interna é importante para o sucesso das empresas. Mas, na construção civil, ela é essencial, principalmente para evitar erros e retrabalhos durante o processo construtivo.  Ao longo da execução de uma obra, muitas informações precisam ser repassadas, dúvidas são geradas e decisões devem ser tomadas. Dessa forma, os gestores têm que focar em garantir que a comunicação entre os colaboradores seja eficiente e unificada, avaliando se está sendo respeitado o planejamento de obras, a fim de minimizar Continue lendo

Como gerenciar os fluxos de dados na construção civil?

Como gerenciar os fluxos de dados na construção civil?

Está sem tempo para ler? Aperte o play abaixo e ouça o artigo sobre fluxos de dados em áudio! A cada dia que passa, as construções geram um grande volume de informação. Mas, para que essas informações possam ser aproveitadas para a melhoria contínua dos resultados, é preciso saber como gerenciar os fluxos de dados. Mesmo com a imensa quantidade de arquivos gerados pela construção civil, algumas empresas ainda não dão a devida importância para a coleta e análise de dados. Assim, perdem a oportunidade Continue lendo

Você está por dentro do projeto Construção 2030?

Você está por dentro do projeto Construção 2030?

Está sem tempo para ler? Aperte o play abaixo e ouça o artigo sobre Construção 2030 em áudio! No início de 2022 a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) retomou o projeto “Construção 2030”, que visa incentivar a cultura de inovação nas empresas do setor. A iniciativa foi criada em 2018 e voltou a ter maior destaque agora. Um dos motivos para o foco no projeto foi a pandemia do Coronavírus, que demandou aceleração da inovação tecnológica em vários segmentos, incluindo também a construção Continue lendo

Acesse nossos materiais educativos sobre construção