Metaverso no futuro da construção civil


Está sem tempo para ler? Aperte o play abaixo e ouça o artigo sobre Metaverso em áudio!


 

Um dos tópicos mais discutidos nos últimos meses é o Metaverso, um tema polêmico que envolve tecnologia e relacionamento, buscando quebrar os paradigmas do mundo real e virtual. 

Essa tecnologia irá transformar diversos segmentos e, entre eles, está a construção civil. Grandes empresas como a Nike e o Facebook – que agora se chama Meta – já estão investindo nessa tendência.

Para se atualizar sobre o assunto e descobrir como o Metaverso irá impactar no setor da construção, continue lendo este artigo!

O que é o Metaverso?

O ambiente do Metaverso é imersivo, colaborativo e online. A mudança do grupo Facebook para Meta fez com que o assunto se tornasse muito comentado, porém, a tecnologia já existia antes, sendo muito utilizada em games.

O Metaverso tem o intuito de desenvolver uma realidade a partir de vários dispositivos tecnológicos conectados à internet. Busca unir o mundo real e virtual utilizando técnicas de realidade aumentada.

Entre algumas inovações apontadas para esse universo, estão óculos de realidade virtual mais discretos, diferentes dos que se viam até hoje. Dessa forma, será possível que os usuários transitem entre realidades virtuais e realizem atividades cotidianas, como fazer compras, encontrar os amigos e praticar exercícios.

Veja os principais recursos presentes nesse universo disruptivo:

Gamificação 

A gamificação utiliza a narrativa dos games para incentivar a participação dos usuários. Usada em diversas atividades, como por exemplo no trabalho, escola, desenvolvimento de projetos, etc. 

São usadas técnicas lúdicas como ganhar pontos, passar de fase ou atingir metas. No Metaverso, a gamificação permite que o usuário personalize seu avatar e utilize ele para interagir com o mundo digital.

Sustentabilidade

O Metaverso oferece uma oportunidade de transformar as relações de trabalho. É possível trabalhar remotamente de forma integrada, interagindo com o ambiente e com os colegas, visualizando tudo com recursos de realidade aumentada.

Isso irá diminuir a necessidade de se locomover até o trabalho para muitas profissões, o que impactará na emissão de gases poluentes e extração de recursos naturais utilizados na fabricação de combustível. 

Presence Platform

Esse recurso mistura realidade mista entre os mundos real e virtual. Permite, por exemplo, que o usuário mexa as próprias mãos e interaja com objetos dentro do mundo online, por meio dos óculos de realidade virtual.

É possível também escanear objetos físicos da vida real e levá-los para o mundo virtual, ou mesmo utilizar recursos de voz para conversar com outros avatares.

Gêmeos digitais

Dentro desse universo é possível criar gêmeos digitais de itens físicos, seja de objetos ou mesmo estruturas. Esses gêmeos digitais simulam e imitam os comportamentos que acontecem na vida real.

Dessa forma é possível alimentar a plataforma com informações como sazonalidades e características do ambiente. Com esses dados pode-se entender como determinado item irá se comportar.

Na construção civil essa tecnologia é muito útil para apoiar nas simulações digitais de projetos. Os gêmeos digitais poderão evitar problemas de estruturas e erros de planejamento, que são suscetíveis a acontecer por erros humanos. 

Calculando características como, pressão, disposição de peso, vento e outros elementos naturais, obtém-se uma resposta ideal sobre qual a melhor forma de projetar um empreendimento. Definindo a altura, design, estrutura, materiais, etc.

Como o metaverso se aplica na construção civil?

Diversas tecnologias vêm atuando na transformação digital da construção civil, como é o caso da internet 5G e de tecnologias 3D. O Metaverso também está nessa lista e permite que o mundo real e o virtual se complementem.

Mas, antes mesmo do termo Metaverso tornar-se conhecido, já se falava em Omniverso. Um ambiente online e interativo, criado em 2020 e desenvolvido para engenheiros, designers e arquitetos, onde é possível colaborar e integrar sistemas de qualquer lugar do mundo.

O Omniverso foi um dos principais impulsionadores da utilização de gêmeos digitais na construção. Essa inovação irá continuar evoluindo com os metaversos, juntamente com a tecnologia BIM

Com a possibilidade de fazer simulações digitais, haverá uma transformação total na etapa de construção dos projetos.

O que esperar daqui pra frente?

A tecnologia permite possibilidades inimagináveis, como por exemplo, os gestores poderão colocar óculos de realidade virtual e acessar a obra de qualquer lugar do mundo, com visão 360º e realidade aumentada do local.

Além disso, os processos de venda se tornarão muito mais dinâmicos, sendo possível oferecer ao potencial cliente uma experiência imersiva dentro do seu futuro imóvel

O meio digital também facilita a criatividade e possibilita a visualização de novos materiais, texturas e designs. Isso irá colaborar com novas ideias para as tendências arquitetônicas e construtivas do futuro.

Novas soluções e investimentos 

Para o futuro, cidades inteiras poderão ser construídas em suas versões digitais. Isso tornará possível a construção das chamadas cidades inteligentes, com melhor aproveitamento do espaço e mais qualidade de infraestrutura para seus habitantes.

Não só o setor da construção será impactado, como também o imobiliário. Com investimentos na compra de terrenos digitais, as possibilidades são infinitas. Será possível, por exemplo, locar espaços virtuais para realização de eventos. 

Agora você já sabe o que é o Metaverso e como essa tecnologia irá impactar no setor construtivo. Para as empresas se prepararem para este futuro, devem ter processos bem estruturados e organizados e um software de gestão pode ser um grande aliado nessa tarefa.

Quer ficar por dentro de outras tendências e novidades do setor da construção? Acesse o nosso Ebook gratuito clicando aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Acesse nossos materiais educativos sobre construção