EPIs para canteiros de obra: o que você precisa saber

Uma obra sempre envolve riscos de acidentes para as pessoas que estão envolvidas no processo. E isso gera danos para o acidentado e muita dor de cabeça para as empresas. É mais importante investir em procedimentos que garantam o bem-estar de seus colaboradores do que enfrentar processos pela falta de segurança. Assim, os EPIs para canteiros de obra são bastante importantes para qualquer empreendimento.

O ideal é que as empresas de engenharia e construção civil mantenham um programa de Gestão da Segurança no Trabalho. Nele serão estabelecidas as diretrizes a serem seguidas de planejamento e organização para atender as exigências legais e garantir a segurança de quem transitar pelo canteiro de obras. Além de, é claro, criar mecanismos que evitem danos ao ambiente em que a construção está inserida.

Por se tratar de um trabalho complexo, uma obra envolve diversos procedimentos, e em cada um deles é necessário que se tenha uma rotina de segurança. Neste post iremos abordar quais EPIs para canteiros de obra devem ser usados. Confira nas próximas linhas algumas dicas sobre a utilização desse material no seu empreendimento.

Distribuição e estoque

Os equipamentos de segurança devem ser fornecidos a todos os funcionários que irão trabalhar na obra. Ao ceder esses materiais, é importante que o colaborador assine um documento atestando seu recebimento e dando ciência de que deve usar adequadamente o EPI. Além disso, a empresa deve manter em estoque os equipamentos sobressalente, como: botina, capacete, luva de raspa, óculos de proteção, fita zebrada, máscara descartável, protetor auricular tipo plug, entre outros.

Empregador x empregado

É atribuição da empresa fornecer gratuitamente o EPI para os trabalhadores de acordo com a função que cada um irá exercer e o risco inerente a ela. Além disso, deve cobrar o uso dos equipamentos, assim como orientar e treinar os funcionários quanto ao uso, armazenamento e conservação dos mesmos. Disponibilizar itens para a troca e manter um registro de fornecimento também são obrigações do empregador.

o empregado é responsável pelo bom uso e conservação dos seus EPIs. Ele também deve comunicar qualquer coisa que torne o equipamento impróprio para o uso, além de cumprir as determinações do empregador em relação às formas de utilizar os materiais.

Fiscalização

As empresas devem manter o controle de uso dos EPIs para canteiros de obra junto aos seus funcionários. Periodicamente também precisam inspecionar a utilização dos equipamentos. O registro de fornecimento dos EPIs também faz parte dos processos de controle.

Como manter o controle de EPIs e treinamentos em um canteiro com muitos colaboradores?

Quanto maior o número de colaboradores, maior também é o trabalho do gestor da segurança do trabalho para deixar tudo em dia. Entre as tarefas, é fundamental manter o controle da validade dos EPIs, a distribuição correta por função, os treinamentos a serem realizados, entre outras. Com a tecnologia, é possível ter um auxílio melhor para a gestão, e deixar o trabalho muito mais fácil e rápido, oferecendo maior confiança ao empregador e segurança aos colaboradores.

Como tem sido o uso dos EPIs para canteiros de obra? Esses equipamentos já impediram algum acidente no seu empreendimento? Como você faz o controle deles? Compartilhe suas experiências através dos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *