Dicionário do gestor de obras: termos que você precisa saber

Um bom gestor de obras deve estar sempre atualizado. Conhecimento e informação são fundamentais para uma tomada de decisão assertiva, que corrija problemas e identifique oportunidades.

Porém, com o uso da tecnologia no canteiro de obras cada vez mais disseminado e as técnicas de gestão mais apuradas, ficar a par dos termos chaves que devem compor o vocabulário de um bom gestor de obras ficou ainda mais complicado.

Pensando em te ajudar, listamos no nosso post os termos da construção civil mais importantes que você precisa conhecer! Acompanhe.

Empowerment

O empowerment ou, numa tradução adequada, “ato de empoderar” significa dar o poder de decisão para sua equipe. Isso porque dar autonomia aos seus trabalhadores têm um poder de motivação sem igual. Afinal, quanto mais uma pessoa se sente motivada, mais motivação terá para realizar seus objetivos.

Metodologia OKR

OKR é uma sigla em inglês para Objectives and Key Results — ou objetivos e resultados chave. Essa metodologia, portanto, tem como base o estabelecimento de objetivos e indicadores que permitam à empresa maximizar seus resultados. Isso acontece por meio do engajamento dos colaboradores, que participam ativamente da definição das suas metas, incentivando a busca pelo cumprimento das mesmas.

Ciclo PDCA

O ciclo PDCA é um método de planejamento norte-americano, extremamente eficiente para a solução de problemas. As letras que formam a sigla resumem as tarefas básicas que devem ser tomadas como medida para a contenção de possíveis contratempos na obra. São elas:

Plan (planejar), Do (fazer), Check (checar) e Act (agir). A metodologia é prática, autoexplicativa e segue à risca a ordem da sigla: planeje, faça, cheque e aja!

gestor de obrsa

Retorno sobre o investimento

O retorno sobre o investimento ou ROI – Return on Investment é uma métrica que serve para mensurar o quanto foi ganho pela empresa com determinada ação. Investir em uma nova tecnologia, por exemplo, é essencial para agregar valor e trazer benefícios à construção.

Entretanto, essa decisão de investimento precisa ser respaldada por uma análise que assegure o retorno financeiro do valor despendido para a empresa. É isso que o ROI permite às organizações enxergarem, servindo como base de apoio para a tomada de decisão.

KPIs

Os Indicadores-Chave de Desempenho (do inglês Key Performance Indicator) são ferramentas de gestão que proporcionam a garantia do sucesso dos empreendimentos. Métricas bem definidas, relacionadas à produtividade, aos tempos de entrega, custos, rentabilidade e muitas outras, formam um conjunto de KPIs que, contando com análises e métodos apurados e executados da maneira ideal, irá ajudá-lo a alcançar todas as metas em suas  obras.

Feedback

Trabalhar oferecendo feedbacks significa dar  oportunidade para o melhoramento contínuo da equipe, com retornos constantes. Um bom gestor é aquele que sabe extrair o melhor de si e dos funcionários, e adotar uma gestão que inclui uma cultura de feedback resulta em efeitos extremamente positivos nos resultados da obra. Os feedbacks devem consistir em destacar os pontos positivos e indicar os que necessitam ser desenvolvidos, sempre demonstrando que cada funcionário pode contar com toda confiança e apoio para manter o trabalho bem feito e superar qualquer falha ou deficiência.

É imprescindível que você conheça os principais termos e esteja sempre por dentro dos conceitos mais importantes e atuais do mercado da construção civil. Assim, você conseguirá se manter em constante crescimento e sua atuação como gestor de obras será cada vez mais eficiente!

Agora que você já está atualizado dos termos-chaves para um gestor de obras, assine nossa newsletter e continue se mantendo informado das novidades e tendências do mercado da construção civil!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *