Como se destacar em 2015

Chegou o momento de rever as estratégias, avaliar o que deu certo e o que pode ser melhorado e, principalmente, planejar. Não existe fórmula mágica para o sucesso, mas com certeza, as empresas que investirem em refletir sobre os próximos passos conseguirão se destacar e agradecer pelos bons resultados no início de 2016.

Segundo informações do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP), o desempenho do setor deve se manter estável, em comparação a 2014. Neste cenário, a diretora de produtos da Teclógica, Adriana Bombassaro Alexandre, constata que a gestão precisa ser voltada para a redução de custos operacionais, desta forma os empreendimentos se manterão rentáveis aos olhos dos investidores e irão se destacar.

“É necessário ter processos bem estruturados de controle por indicadores, principalmente nos canteiros de obra onde estão os maiores custos alocados. O empresário que tiver sua equipe com foco em planejar e controlar a produção e a qualidade irá se destacar e terá uma vantagem muito grande para poder trabalhar suas margens financeiras e viabilizar suas obras”, ressalta.

O SindusCon-SP avaliou que no próximo ano o governo precisará se destacar e recuperar a confiança dos investidores, buscando conter a inflação, impulsionando as obras de infraestrutura e contratando mais unidades do Programa Minha Casa, Minha Vida, no primeiro semestre. O mercado imobiliário deverá prosseguir em fase de ajuste, a renda e o consumo das famílias crescerão menos e as obras relacionadas a novos investimentos ocorrerão com mais intensidade a partir do segundo semestre.

Por isso, a executiva salienta que a tecnologia pode apoiar os gestores das empresas a obter informações de forma rápida e confiável. “Desta forma, a tomada de decisão se torna efetiva e assim produz resultados que diminuem os custos com retrabalho, material, mão de obra e não afetem a imagem das empresas perante os seus clientes quanto à qualidade do produto entregue”, finaliza Adriana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *